Full Stack Developer

Curitiba/PR

Entre as maiores Fintechs..

O trabalho da empresa engloba a elaboração de relatórios, registros contábeis, emissão de nota fiscal, controle de resultados e guia de impostos feito por meio de uma ferramenta online que permite agilizar os processos com um preço mais acessível.

Democratizam a contabilidade para micro e pequenas empresas no Brasil, combinam  contadores fanáticos com plataforma inteligente para entregar todas as obrigações legais de seus milhares de clientes.


Seus desafios:

Escalabilidade,  automatização de rotinas contábeis e fiscais, garantia da entrega da operação, satisfazer os clientes, trazer retorno para investidor, empoderar o empresário, apoiar e fomentar economia.


Natureza da Função

O Full Stack Developer é um profissional com espírito empreendedor que queira fazer a diferença na vida das pessoas através do desenvolvimento de negócios de base tecnológica.


Principais desafios


Os Full Stack Developers dentro da área de novos negócios tem a missão de viabilizar protótipos, MVPs e fases iniciais pós-MVP. Na prática, um Full Stack é um desenvolvedor que se sente confortável trabalhando tanto com tecnologias de front-end quanto com back-end.


Esse profissional não será um especialista em todas as áreas e tecnologias, afinal isso não é possível, mas precisa conhecer de maneira estruturada e conseguir trabalhar com as várias tecnologias que envolvem front-end e back-end.


Ter uma compreensão de como um software é feito desde o conceito, passando pelo design até chegar no produto acabado. Deve ter o espírito curioso e comprometido com a área que procure novas saídas para solucionar os problemas da forma mais eficiente e produtiva possível. Ele também não pode se frustrar pelas mudanças do produto se isso for necessário, após análise do protótipo e MVP.


Requisitos técnicos

Possuir formação na área de tecnologia ou estar cursando.


A relação abaixo, que como comentado acima é dinâmica, demonstra os conhecimentos esperados de um Full Stack Developer listados a partir da infraestrutura até o front-end:




Programação orientada a objetos e arquitetura MVC


Padrões de projeto (ex. dao, facade...)


Desenvolvimento Web com Java, HTML5, CSS3, Javascript, Ajax


Conhecimento em frameworks Javascript como: JQuery, Angular JS, Backbone


Ter trabalho com práticas Agile (Scrum, Kanban, XP...)


Desenvolvimento de Web services e APIs(REST, JSON, XML)


Bootstrap e Angular JS


Infraestruturas Cloud Computing, como: Google Cloud Plattaform, Amazon AWS, Azure


Banco de dados não Relacional (NOSQL)


Conceitos de micro serviços e computação distribuída


Desenvolvimento focado em UX (web e/ou mobile)


A natureza dinâmica da área de tecnologia e em especial do desenvolvimento de software faz com que os requisitos mudem frequentemente tanto com novas ferramentas quanto com novas linguagens de programação. Nesses cenários, exigem que conheça um range de tecnologias em diversas plataformas para conseguir atingir os objetivos de prototipação rápida, construção de MVPs consistentes e entregas rápidas.

Compartilhe:

Twitter Facebook LinkedIn